Sexta-feira, 9 de Fevereiro de 2007

Benfica no top 20



A notícia de que o Benfica entrou para o top 20 dos clubes mundiais em termos de capacidade de gerar receitas é motivo de orgulho para os adeptos do Glorioso. E lança desafios a outros sectores da economia, se encararmos cinicamente o futebol como uma mera actividade económica. Quantas empresas em  Portugal serão capazes de entrar num ranking mundial a este nível? As habituais carpideiras nacionais podem olhar-se ao espelho e interrogar-se: qual é o meu lugar no ranking?

O lado negro que o estudo da Delloite revela tem a ver com as receitas derivadas dos direitos televisivos. O Benfica, e todos os clubes portugueses, encontra-se manietado por contratos celebrados com a Olivedesportos. São contratos verdadeiramente lesivos dos interesses dos clubes e dos próprios consumidores em geral. Seria bom que a Autoridade da Concorrência um dia perdesse algum do seu precioso tempo a analisá-los. Razão tinha Vale e Azevedo, por mais politicamente incorrecto que seja dizê-lo.
publicado por Luis Euripo às 17:03
link do post | comentar | favorito

.correio para

luiseuripo@sapo.pt

.pesquisar

 

.posts recentes

. Real politic

. Pela boca morre o peixe-2

. Profecias

. Caso Esmeralda

. Silêncio

. A competência exige-se ao...

. Um ministro dá outro bril...

. Fadio vadio. Nota-se que ...

. Um negócio mal parado

. Verão

. A notícia

. O veto

. Vamos lá punir como deve ...

. Dá aí um jeitinho

. A culpa deve ser minha

. Não havia necessidade

. Regresso

. Férias!

. "Ser jornalista é chegar ...

. Joaquim Agostinho

.arquivos

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds