Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2007

Constato

As agendas da comunicação social são flutuantes. Os estudiosos e académicos terão uma resposta científica. Eu apenas constato que o caso da menina Esmeralda, escondida por quem se arroga o poder de ser pai ou mãe, desapareceu dos grandes títulos e dos debates. A turba que se emocionou virou a página e passou adiante. Até que algo de verdadeiramente palpitante e espectacular (no verdadeiro sentido de espectáculo) volte a ser notícia.
publicado por Luis Euripo às 23:02
link do post | comentar | favorito

.correio para

luiseuripo@sapo.pt

.pesquisar

 

.posts recentes

. Real politic

. Pela boca morre o peixe-2

. Profecias

. Caso Esmeralda

. Silêncio

. A competência exige-se ao...

. Um ministro dá outro bril...

. Fadio vadio. Nota-se que ...

. Um negócio mal parado

. Verão

. A notícia

. O veto

. Vamos lá punir como deve ...

. Dá aí um jeitinho

. A culpa deve ser minha

. Não havia necessidade

. Regresso

. Férias!

. "Ser jornalista é chegar ...

. Joaquim Agostinho

.arquivos

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds